O tal do orgulho

14 02 2010

Sabem aquela história sobre minorias desprivilegiadas sentindo necessidade de gritar aos quatro ventos o quão se sentem orgulhosos de fazerem parte dessa minoria? Por exemplo como tem tanto negro por aí que se sente orgulhoso em afirmar sua cor de pele. As pessoas falam como é importante lutar contra a segregação e como é importante a igualdade entre o ser humano. Todo mundo merece respeito seja você negro, amarelo, azul ou roxo com bolinhas marrons. Isso pode até soar repetitivo para muitos, mas tendo em vista tudo isso sobre o ‘orgulho’ de ser negro, por que um branco não poderia sentir o mesmo em relação a sua cor de pele? Um estudante de História poderia me responder que diferente do caucasiano, o negro sofreu anos e anos de escravização e terror pelo mundo todo. Concordo, é difícil fingir que o passado não existiu. História continua sendo História e o que passou não vai se apagado. Mas uma coisa é você saber o que aconteceu e ter noção de que pode fazer diferente dessa vez no mundo de hoje, outra coisa é você viver esse nosso passado histórico no seu dia-a-dia.

E aquele exemplo cretino de que um negro usando uma camisa de “100% negro” não seria considerado como um problema, mas uma camisa com um “100% branco” logicamente deveria de ter algo de ofensivo. OK. Deixando de lado o fato de que ninguém vestiria uma camisa com um “100% nego” no peito, chega a ser meio que absurda a idéia de querer enaltecer a ‘condição’ de ser negro. Pra que? Você não é igual a todo mundo? Pra que ficar tocando na mesma tecla? E o que é mais interessante é que eu pelo menos não costumo ver preconceito dos brancos. É sempre um negro aqui e um negro ali que solta de vez em quando um “só porque eu sou preto, né?”. Eu não vou falar que o preconceito racial foi banido da terra porque infelizemente ainda existe muita gente estúpida no mundo, mas ele foi consideravelmente diminuído. Consideravelmente. Só acho que algumas pessoas precisam notar a ‘auto-segregação’ que fazem, e fazem tão bem de forma que o culpado seja a pessoa ao lado. Acho indigno.

Agora eu?
Eu sou negro SIM.
Eu sou homossexual SIM.
E não tenho orgulho disso.
Também não acho que teria orgulho de ser branco ou heterossexual caso fosse. E por que teria? Alguma das opções me faria ser “mais especial”?

Eu guardo o meu orgulho para outras coisas. Tenho orgulho de ter passado no vestibular, por exemplo.

Anúncios

Ações

Information

One response

16 02 2010
ryoowatari

concordo

o que mais vejo são as próprias minorias se atacando e praticando preconceito entre elas mesmas.

como vc mesmo deu a entender, já que todo mundo tem que lutar pela igualdade , pra que bater na tecla da diferença o tempo todo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s




%d blogueiros gostam disto: